Os Filhos de Lumière no 1º Encontro Cinema e Escola – Cinemateca Brasileira – São Paulo – Brasil

A Associação Os Filhos de Lumière foi convidada a participar no 1° Encontro Cinema e Escola que reunirá, entre os dias 13 e 16 de Setembro de 2012, na Cinemateca Brasileira, em São Paulo, Brasil, profissionais brasileiros e estrangeiros, educadores e cineastas, para uma série de debates sobre a presença do cinema nas escolas.

Fruto de uma parceria entre a Cinemateca Brasileira e a Escola Carlitos este encontro tem como principal objectivo discutir as formas de contacto com a arte cinematográfica na sala de aula e a necessidade de criação de uma cultura cinematográfica ao longo da formação escolar. Na sua primeira edição, o evento traz para o centro da reflexão a experiência do Serviço Pedagógico da Cinemateca Francesa e seu laboratório Cinema, Cent Ans de Jeunesse, criado em 1996 sob a orientação artística do cineasta Alain Bergala, autor do livro “A Hipótese Cinema: pequeno tratado de transmissão do cinema na escola e fora dela“.

Em representação de Os Filhos de Lumière, Teresa Garcia, uma das suas responsáveis e cineasta interveniente, irá falar sobre a sua experiência neste dispositivo pedagógico, em que participa desde o ano lectivo 2006-2007 e alguns dos filmes realizados em Portugal neste contexto farão parte do programa apresentado pela Cinemateca Brasileira.

Em 2011-2012, cerca de 30 escolas da França, Espanha, Portugal, Inglaterra, Alemanha, Itália, Brasil (São Paulo e Rio de Janeiro) participaram do projeto. O público poderá conferir o resultado dessa experiência com uma programação de curtas-metragens recentemente produzidos por alunos desses países. Para além do programa de filmes portugueses realizados por jovens da Moita, de Lisboa e de Serpa, dos filmes brasileiros realizados no mesmo contexto e de uma selecção de filmes de todos os outros países participantes, serão ainda apresentados por José Manuel Costa filmes portugueses de Paulo Rocha e Manoel de Oliveira e uma série de filmes de animação de Pedro Serrazina, Zepe, José Miguel Rodrigues e Teresa Marques.

Para além da apresentação deste pequeno ciclo de filmes portugueses, José Manuel Costa vai participar em nome da Cinemateca Portuguesa, num debate sobre o papel das Cinematecas e a sua importância na educação ao cinema. Nathalie Bourgeois que dirige o Serviço pedagógico da Cinemateca Francesa e coordena o programa pedagógico “Cinema, cents ans de jeunesse” irá falar desta importante experiência levada a cabo pela Cinemateca Francesa e de outros projectos de educação junto do público escolar.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Artes. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s